Honestidade intelectual

«Em “Mille plateaux” (op. cit.), há um capítulo inteiro consagrado ao tema: “Como fazer para si próprio um CsO?”. No entanto, depois da leitura dessas páginas tão densas,
permanece o mistério a propósito de “aquilo que se deveria fazer” para esquivar os
estratos e construir o corpo pleno (p. 199). É que continuamos a não ver
que transformações se devem fazer sofrer ao corpo para que este se torne
um plano de imanência.»

– José Gil, “Movimento Total”, 2002, nota de rodapé 6, p. 60.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s