Le tunnel du Saint-Gothard

«[9 janvier 1889] Alors que le chemin de fer traverse le tunnel du Saint-Gothard, Nietzsche se met alors à fredonner “un chant merveilleux, d’une mélodie vraiment étrange”, qui n’est autre qu’un de ses derniers poèmes, intitulé “Venise”…»

in Frédéric Pajak, “L’immense solitude – avec Friedrich Nietzsche et Cesare Pavese, orphelins sous le ciel de Turin”, Lausanne: Éditions Noir sur Blanc, 2011, p. 210.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s